Tratamento para herpes genital

Herpes genital: Pomadas, Remédios e Cuidados

Tratamento para herpes genital

Herpes genital: sintomas, tratamento, remédios caseiros e tem cura?

Tratamento para herpes genital

Herpes: tratamentos, sintomas e o que é essa doença

Tratamento para herpes genital

Herpes Genital: contágio, sintomas e tratamento

Tratamento para herpes genital

Grupo Sanfil Medicina | Herpes genital

Tratamento para herpes genital

O herpes genital é uma doença sexualmente transmissível comum que afecta tantos os homens como as mulheres. Características do herpes genital incluem dor, comichão e feridas na área genital. No entanto, muitas pessoas infectadas não têm sinais ou sintomas do herpes genital. Uma pessoa infectada pode contagiar, mesmo que não apresente nenhuma ferida visível.

O herpes genital é provocado pelo Vírus Herpex Simplex (HSV). O contacto sexual é a principal via de transmissão do vírus. Após a infecção inicial, o vírus fica adormecido no seu corpo e pode ser reactivado várias vezes por ano.

O herpes genital não tem cura, mas os medicamentos podem aliviar os sintomas e reduzir o risco de infectar outros. Os preservativos também podem ajudar a prevenir a transmissão do vírus.

Sintomas

A maioria das pessoas infectadas com o HSV nunca sabe que tem a doença, porque não manifesta quaisquer sinais ou sintomas. Os sinais e sintomas podem ser tão ligeiros que passam despercebidos.

Quando presente, o sintoma inicial do herpes genital é geralmente dor ou comichão, aparecendo algumas semanas depois da exposição a um parceiro sexual infectado. Após vários dias, podem aparecer pequenas protuberâncias vermelhas ou bolhas brancas minúsculas. Estas rebentam, tornando-se úlceras que drenam ou sangram. Eventualmente, formam-se crostas e as úlceras curam.

Nas mulheres, as feridas podem surgir na área vaginal, órgãos genitais externos, nádegas, ânus ou colo do útero. Nos homens, as feridas podem aparecer no pénis, escroto, nádegas, ânus ou coxas ou dentro da uretra, o canal dentro do pénis que comunica com a bexiga.

Com úlceras, por ser doloroso urinar. É possível também sentir-se dor e sensibilidade na área genital até a infecção desaparecer. Durante um surto inicial, pode apresentar sintomas e sinais semelhantes aos da gripe, como dor de cabeça, dores musculares e febre, assim como inchaço dos gânglios linfáticos na região da virilha.

As recidivas são comuns 
O herpes genital é diferente de pessoa para pessoa. Os sinais e sintomas podem aparecer e desaparecer continuamente, durante anos. Algumas pessoas apresentam vários episódios todos os anos. Para muitas pessoas, no entanto, os surtos são menos frequentes com o passar do tempo.

Vários factores podem desencadear os surtos, incluindo:

  • Stress
  • Cansaço
  • Doença
  • Cirurgia
  • Menstruação

Quando consultar um médico 
Se suspeita que tem herpes genital – ou qualquer outra doença sexualmente transmissível – consulte o seu médico.

Causas

Dois tipos de infecções pelo vírus herpes simplex podem provocar herpes genital:

  • HSV-1. Este é o tipo que geralmente provoca herpes simples ou herpes labial (bolhas de febre) à volta da sua boca, embora possa alastrar-se à sua área genital durante a prática de sexo oral.
  • HSV-2. Este é o tipo que normalmente provoca herpes genital. O vírus transmite-se por contacto sexual e contacto pele com pele. O HSV-2 é muito comum e altamente contagioso, tendo-se ou não uma ferida aberta.

Dado que o vírus morre rapidamente fora do corpo, é quase impossível ter a infecção através do contacto com casas de banho, toalhas ou outros objectos usados por uma pessoa infectada.

Tudo sobre medicina
Deixe uma resposta

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: